Fones: +55 (19) 3881.1999 / 3881.2255 / 0800.130.205

Área Restrita

Detalhes da notícia

Alexandre Guerra, do Sindilat/RS: "para os produtores de leite é inviável emitir a NF-e"

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017 12:14:07

Entidades que representam os produtores rurais e a indústria de leite, aves, suínos e bovinos reuniram-se nesta segunda-feira (20/2) à tarde, no Palácio Piratini, em Porto Alegre, com parlamentares e representantes do governo do Estado para tratar sobre a implantação da nota fiscal eletrônica (NF-e) no campo. O prazo para a medida entrar em vigor é 1º de abril deste ano. 

Após a manifestação dos dirigentes do Sindilat, Asgav, Sips, Sicadergs e Fetag, o subchefe da Casa Civil, Cesar Marsillac, se comprometeu de sugerir ao governador do Estado, José Ivo Sartori, a prorrogação do prazo e a criação de grupos de trabalho para tratar das peculiaridades de cada uma das cadeias produtivas. Marsillac garantiu que o setor será informado sobre uma definição até sexta-feira.

O presidente do Sindilat, Alexandre Guerra, pontuou que para os produtores de leite é inviável emitir a NF-e já que as coletas nas propriedades são diárias. O principal motivo é a falta de sinal de Internet no meio rural. O fato de que na nota fiscal usual não consta o valor do produto - o preço é definido sempre no mês seguinte à entrega, quando são feitos os pagamentos - é outro agravante. O pleito da entidade é que os produtores de leite sejam dispensados da emissão da NF-e e que possa ser utilizada a nota fiscal de entrada que hoje é feita sempre no final de cada mês pela indústria. Marsillac ficou de agendar uma reunião somente com representantes do setor lácteo para tratar das especificidades.

A sugestão do presidente da Fetag, Carlos Joel da Silva, é que a NF-e seja facultativa pois os produtores que tiverem condições de adotar o novo sistema certamente vão aderir. O deputado Elton Weber sugere que os grupos de trabalho a serem criados façam reuniões mensais para discutir as dificuldades, definir os ajustes necessários e encaminhar uma solução. Também participaram da reunião o secretário da Agricultura, Ernani Polo, e representantes da Secretaria da Fazenda.


Fonte: Sindilat

Responsabilidade Ambiental

Receba nossa newsletter:

© Copyright - Sani Química - Todos os Direitos Reservados